segunda-feira, 3 de março de 2008

Aprisionadamente Livre

Acordei como homem não como Fénix, sem céu para voar, sem terra para descansar, sinto-me aprisionado neste embrenhado de sentimentos… nesta sucessão de momentos… mas hoje, depois de ontem… estou livre…
Beijos e Abraços
Das Chamas do Fénix

10 comentários:

Mando disse...

será que estás mesmo livre?...sem céu, nem terra é complicado...concordo mais com o título..."aprisionadamente livre"...força! porque amanha "depois de" hoje é outro dia;)

abraço...do mando...

O renascer da Fenix disse...

Mando

Não sei o tempo o dirá...
Mas eu quando tomo uma decisão... para bem ou para o mal normalmente está tomada... e é necessária uma argumentação muito boa para voltar atrás...
Mas como diz o outro... só os Burros é que não mudam de opinião...

Um Abraço

Dualidades disse...

Aproveita essa liberdade porque ela é cada vez mais relativa e limitada!

Abraço

Dualidades JP

Maria Manuela (M&M) disse...

Que essa liberdade que sentes seja da boa...

beijos

mjf disse...

Olá!
Coragem para agarrar essa liberdade...força.
Mudar é preciso...

Beijocas amigas

Brisa disse...

A liberdade do espírito não tem preço, ainda que se fique sem céu para voar ou terra para descansar. Agora pode custar-me, mas para termos 10% de prazer temos de sofrer 90%! Uma brisa de boa sorte!

Brisa disse...

A liberdade do espírito não tem preço, ainda que se fique sem céu para voar ou terra para descansar. Agora pode custar-me, mas para termos 10% de prazer temos de sofrer 90%! Uma brisa de boa sorte!

Brisa disse...

OOOps! queria dizer "custar-te"!!

Rita disse...

Mudar,ainda que para melhor, nem sempre é fácil mas é preciso (quando é preciso)...
Jokas

Divinius disse...

A Fénix diz-me algo!
Gostei de ler
Sorriso:)