sexta-feira, 14 de março de 2008

Delirios

Consciência

Quando abres os olhos, que tens abertos e nada vês, quando ouves com os ouvidos que nunca tapaste … quando vives essa vida que teimas em não viver, quando fintas os perigos em vez de lutar…quando despertas sem pensar o que fazer… quando desistes e começas a fugir…

Fénix

Mas …. quando … quando é que te calas e me deixas dormir…


Beijos e Abraços
Das Chamas do Fénix

7 comentários:

Pandora disse...

Quando abres os olhos e vês o que não queres ver;
Quando esperas ouvir o que nunca ouves;
Quando não vives a vida que queres viver;
Quando enfrentas os perigos, cansado de lutar;
Quando despertas e pensas o que queres fazer...
sem teres asas para fazer o que queres...

Beijos

O renascer da Fenix disse...

Pandora...

Faço integramente minhas a tuas palavras... bem talvez em vez “sem teres asas para fazer o que queres” diria "quando abres a caixa para fazer o que desejas…".

Uma Grande Chama para ti… beijos

Diva disse...

Acontece :o)
Bjs meus

Parvinha da Silva disse...

muito bonito!

Um beijo e bom fds

Helena disse...

Muito bonito :)


Beijinho .....

Maria Manuela (M&M) disse...

Sem dormir é que não....

bjo

Parvinha da Silva disse...

um beijo e boa semana