quinta-feira, 5 de junho de 2008

De mim...para mim



Abres os teus olhos e olhas para dentro…tentas segurar o travão que te
segura a razão… que difícil … sempre foste louco… não é nenhuma novidade… vives
com loucura…amas com loucura…vibras com loucura…danças com loucura…fazes da
loucura a tua realidade… Abre os teus olhos e olha para fora…luta por ela … saca
as tuas garras e devora… faz o que tens de fazer … abre as tuas asas e voa, doa
a quem doer… És Fénix não temas … mesmo que venhas a perder… tombarás como o que
és, para das tuas cinzas renascer...

Beijos e Abraços

Das Chamas do Fénix

Ps: Este rapaz está mesmo todo mamado do caixote ... e teve uma mãe a criar um filho para isto.... ;o)

1 comentário:

mando disse...

ás vezes também merecemos olhar para nós...

abraço...do mando...