terça-feira, 29 de julho de 2008

Um Hino...o teu corpo


No canto das notas da pauta do teu ser
ergo a flauta que te toca...
deixo a partitura do desejo tecer
o fino canto que te sai da boca!!!

O teu corpo remoinha como a clave
desgrenhada a dedilhar a melodia...
no teu corpo lanço a chave
que me embala e desafia !!!

Entre dó, ré, mi, fá, sol, lá, si, dó
Rasgas nas minhas costas o pentagrama…
Compões este nosso amor para ti só
Na certeza que o meu canto pelo teu clama!!!

E nesta tonalidade … encontremos o compasso
Em fusa, semifusa, colcheia ou semicolcheia
Façamos desta linha o nosso traço
Cantemos este hino faça sol, ou lua cheia!!!!

Beijos e Abraços

Das Chamas do Fénix

13 comentários:

Gerlane disse...

E fizeste-me bailar no compasso apaixonado dos teus versos, poeta.

Belo!

Beijos pra ti!

As Chamas do Fénix disse...

Olá amiga...

E dançar,cantar, desejar, rimar e amar são coisas tão lindas e necessárias como o respirar...
Obrigado pelo teu comentário... vindo de ti é realmente um elogio..

Uma grande chama para ti... beijos

Anónimo disse...

Em ondas dança o meu corpo até ao teu...entoam melodias perfeitas onde a voz se perde no doce sentir!
E num compasso que é só nosso cantamos um hino que só nós conhecemos!

beijos nossos

Atever disse...

Isto é uma verdadeira sinfonia em SI sem DÓ eheheh.
Abraço.

Miss K disse...

Gostei muito!

Foste atrás das minhas pautas e apareceste no meu blog, mas falaste para o Bleen, um amigo com quem divido o "blogoespaço".

Além de bonitos poemas tb escreves música? Parece-me a mim que pelo menos tens algum conhecimento acerca do assunto... não é muito comum conhecer-se a fusa e a semi-fusa :)

Shakti disse...

Um verdadeiro complemento à música ...à música da vida , vivida com paixão...

bjs

As Chamas do Fénix disse...

Atever...

ehehhehe...má nada..é isso mesmo ;)

Um grande abraço

As Chamas do Fénix disse...

Miss K...

Não sei falar, mas falo muito... Não sei escrever, mas escrevo muito... Não sei cantar, mas canto muito... compor nem sei, nem o faço...
Ao contrário do falar, no escrever penso sempre antes de o fazer e pesquiso... ainda bem que gostaste do meu ninho volta sempre que quiseres...

Uma Grande Chama para ti...Beijos

As Chamas do Fénix disse...

Shakti...

Os sentimento criam melodias que só os escolhidos ouvem...

Uma Grande Chama para ti...Beijos

mjf disse...

Olá! Muito inspirado...e com belos resultados ;=))

Beijocas

As Chamas do Fénix disse...

Anonimo...

Sim um compasso que se torna num abraço onde o hino soará... a uma só voz..

Beijos

As Chamas do Fénix disse...

mjf...

Achas mesmo amiga ;)


Uma grande chama para ti ...beijos

acqua disse...

Bon giorno caríssima, a paisagem desta manhã brinca de nos expulsar para dentro e nos colocar para fora. Inferno seria isso? Penso eu que não...
A tua poesia chegou a mim como um estrondo forte em dia de tempestades. Agitando a calmaria. Belo.
Permita-me agradecer a sua gentil participação no Coletanea Artesanal.

Tenha um belo dia com ventos norte e sol caramelando a paisagem...