quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

Call Girl... até doi....

Vai hoje estrear nas Salas Portuguesas o filme de António-Pedro Vasconcelos “Call Girl” ou como se diz na minha terra “Puta Fina”.
O Filme tem todos os ingredientes para ser um sucesso de bilheteira, a prima Sory vai fazer com que isso suceda com toda a certeza, tal como fez no Crime do Padreco.
É curioso, como em Portugal o cinema e a televisão estão a viver aquela fase protagonizada nos anos 70/80 em Espanha que ficou conhecida como a fase “del destape”, ou seja a fase em que as actrizes e os actores começaram a mostrar nos filmes e séries algumas partes anatómicas do seu corpo que até à altura tinham permanecido no segredo dos deuses.
Hoje tenho 33 anos (idade de Cristo) e já superei a fase de olhar para uma mamoca como uma fonte inesgotável de alimento, a mamoca já não é uma embalagem de Tetra Park, hoje a mamoca tem um novo estatuto na minha “Roda dos Alimentos”, já não me alimenta o estômago, mas alimenta-me o espírito o que é bem melhor.
Já repararam que mesmo que tenham muita fome com uma mamoca na boca até se esquecem disso… Ah pois é, meus amigos isso sucede porque as mamocas são um suplemento alimentar não calórico que alimentam a alma com uma pinta dos diabos.
Os argumentos até não necessitam de ser muito bons, até porque é coisa a quem ninguém liga, o importante é que apareçam muitas mamocas…que é disso que o meu povo gosta.
Um pessoa vai ao cinema paga 5€ e pensa bolas para um bom argumento isto é uma fortuna, para isso compro o Expresso e a Bola, ainda tenho troco para ficar com uma tonelada de papel em casa, agora por uma mamoca da Sory, oiçam lá, quem é que tem acesso a uma “Call Girl” por 5€…ninguém, não é verdade????
As produções portuguesas estão a aquecer, está mais do que visto descobriram que os Portugueses e as Portuguesas gostam de Sexo e que de vez em quando até o praticam…(esses taradões)…
Até já imagino a prima Sory como deputada, sacando de uma mamoca à boa maneira italiana, em plena assembleia da república gritando “viva a democracia, viva Portugal…”… huy, huy que coisa mais erótica… isso é que era ganhar votos…o Soquete que se cuide…
Assim vamos continuar a rezar por esta boa onda do cinema português e que continue por muitos e muitos anos…

Viva a Corrupção, Viva o Sexo, Viva Portugal… Bem Haja para todos vós
Das Chamas Fénix

3 comentários:

dualidades np disse...

Pelo menos esta nova onda do cinema nacional torna-se mt mais aliciante do q a fase "Branca de Neve"por exemplo.
Finalmente agora temos alguma"acção". Confesso q ñ tenho grande curiosidade de ir vêr o Corrupção, mas à amiga Soraia vou de bom grado!
Abraço

Dualidades disse...

Afinal é Call Girl!!!! E eu a pensar que era CowGirl! :o)

Abraço.

Dualidades

Marta disse...

Não me seduz nem um bocadinho ir ver as mamas da Soraia! :)