terça-feira, 14 de outubro de 2008

Onde vais fénix?

Que caminhos percorres que te ensinam a amar?
Nessa tua necessidade de idolatrar e proteger
Que batalhas em carne viva tens de saber enfrentar
Na luta de um herói pela subsistência sorrindo
Que ferido num campo de batalha se ergue
Com sua espada em sangue bramindo!

Amigo sincero para toda a vida
Que desânimos e angústias tem a tua alma de superar?
Que êxtase sexual anseias para te sentir aceso?
Que criança permanece em ti que a cada derribamento
Te socorre a levantar!?
Para onde te leva o vento, quando em teimosia permaneces
Se os dias e as noites se transformam em sofrimento
Num isolamento de afectos que não mereces!

Que encantador de serpentes és tu?
Capaz de seduzir de forma lenta e lasciva
Transformado em pessoa de confiança
Resistes à tragédia da existência
Pois se as estrelas são feitas de mudança
Há uma deusa do fogo que te protege amável
Onde vais diligenciar a tua força
Feita solidez num mundo instável!
O segredo para permanecermos íntegros,
Está mesmo numa chave que se mantém dentro de nós,
Que dá pelo nome de esperança
Inventas a quimera de um mundo em benevolência
Epopeia dos combates de semidivindade
A tua odisseia como um herói que batalha
No eterno conflito entre o bem e a maldade
Voas inteiro e insubmisso em direcção ao paraíso
Que dá pelo nome de imperecível dignidade!

Ana Oliveira


*********
E em chamas me erguirei alimentado pela brisa do norte … antes que as estrelas se apaguem brilharei no seu manto da noite onde sou amo e senhor…
…pois serei louco ou não louco… serei nada ou de tudo um pouco… mas sou seguramente Fénix homem sonhador, que apenas luta pelo seu quinhão de amor….e para ele vou voar… e quem sabe? Aninhar….
Obrigado Ana e parabéns

(texto criado pela grande amiga Ana Oliveira do Blog Esperança)

Beijos e Abraços
Das Chamas do Fénix




1 comentário:

Vasco disse...

E que fantástico texto.
A minha fénix voou, foi construir o seu ninho que em breve se transformará em chamas e trará uma nova. Do ovo recente nascerá Alexandre Houou (o sobrenome é Fénix, na verdade, em japonês). Assim me sistematizo.

És sonhador... Uma particularidade dos nossos seres "fenixianos"...